Meu Blog Barato

Roteiro barato em Porto Alegre + Bike do Itaú

Gente, vamos falar de coisa boa e não é da Tekpix. 😛

Mais de 3 anos morando em Porto Alegre e me dei conta de que ainda não fiz um monte de coisas pela cidade. No domingão resolvi fazer duas coisas novas: uma delas foi ver o pôr do sol na altura do Iberê Camargo e outra foi alugar uma bike do Itaú.

Quando ando de ônibus sempre fico reparando as estações de bikes do Itaú espalhadas em vários pontos de Poa. A curiosidade sobre o uso batia, mas acabava esquecendo de pesquisar melhor. Ontem dediquei um tempinho para isso e encontrei todas as informações AQUI e baixei o app AQUI.

É bem simples e barato usar as bikes. Baixei o app, comprei o passe diário por R$ 5,00, verifiquei se a estação mais próxima tinha bike disponível e ZAZ!

Fiz uma boa caminha até a estação mais próxima da minha casa e chegando lá só tinha uma bike disponível e meu marido também precisava de uma bike. =/ A gente até pode dar várias conferidas no app para ver as bikes free, mas não tem como saber se já tem alguém na estação pegando ou devolvendo elas.

Sem desanimar, eu peguei a bike free e partimos para a outra estação mais próxima. Chegando lá e… não tinha bike. E seguimos para a terceira estação, que também não era tão longe (mas coitado do meu marido que foi me acompanhando só na corridinha marota) hehehe 😛

bike 1 (1)

Bike do Itaú

Chegando na terceira estação e… IUPIIII! \o/ Muitas bikes!  Marquei de encontrar um amigo por lá e aí sim começamos o passeio de verdade.

Ficamos um tempinho na frente do Iberê apreciando a vista. Dava para ver o Gasômetro lá de longe, bem pequenininho e o estádio Beira-Rio.

bike 4

Vista da frente do Iberê

Aproveitamos a paradinha ali para recarregar as energias e depois seguimos pedalando até o Beira-Rio.

Na volta já pegamos o início do pôr do sol na frente do Iberê, mas terminamos de ver o espetáculo no trapiche que fica na frente do Barra Shopping. É sempre lindo. É sempre mágico.

bike 3

bike 2

bike 5

Trapiche do Barra

Esse foi mais um passeio bacana e de baixo custo que farei MUITAS VEZES! Tem a opção de compra do passe mensal, que custa R$ 10,00. Como foi a primeira experiência (e ela foi bem positiva) da próxima vez já penso em comprar o mensal. Vale muito a pena, pessoal!

OBS.: Antes de escolher sua bike verifique os pneus! Vi umas 3 com pneus furados ou murchos.

Até o próximo post! o/

About Ingrid Dagagny

Sou cariúcha que não curte praia e adora chimarrão, casada com o Duda e mãe de duas gatinhas. Meus verbos preferidos: viajar, pechinchar, comer, cozinhar, falar, criar. =)